O movimento é o que impulsiona nossas mudanças! Mexa-se em 2016!

Hoje depois das festas e celebrações do fim do ano, consegui me organizar e olhar um pouco para 2015. Quero compartilhar com vocês como foram minhas transformações, meus desafios,  projetos e sonhos e tudo que está por vir. 

2015 um ano que superei desafios, cumpri tarefas e realizei coisas impensáveis. E o que levo é  aprendizado  que a nossa única certeza é o movimento e a transformação constante.

Foi através de uma oportunidade de mudança para Cianorte no Paraná, uma cidade  acolheu minha família e eu, que tive a oportunidade de rever projetos adormecidos e escolher trabalhar com o que fazia mais sentido para mim. E foi também graças ao apoio incondicional de meu grande amor, companheiro e pai de minhas filhas Julio Gadelha que tudo isto foi possível.

Logo no primeiro mês de janeiro botei a mão na massa e com a ajuda profissional da Mayara Castro e seu projeto Memória Seletiva me organizei e botei no ar todas as plataformas digitais do projeto Caminhada Reflexão e Arte . Um projeto que demorou 6 anos para sair do campo dos sonhos e se concretizar. E foi junto com uma grande amiga Mirella Maceiras, que nasceu o Curso Florescer, um curso só para mulheres que estão em busca de se fortalecer como ser humano integral e dar um primeiro passo em busca de seu autoconhecimento. Foram 3 turmas realizadas em 2015 e 21 mulheres floresceram. Saiba como foi nossa. Primeira turma do Florescer, Segunda Turma do Florescer e a Terceira Turma do Florescer.

Participaram e apoiaram o curso Florescer mulheres incríveis entre elas a Theresa Rachel, Terapeuta de Guarda Roupa e a minha irmã saxofonista Marina Brant, com seu projeto Soft DJ e Sax ao vivo que embalou nossas noites de sábado com música de qualidade.

Em 2015 também me dediquei incansavelmente à trazer para, Maringá e Cianorte, que eu  já posso chamar de casa, O Programa Germinar, presente em 15 estados brasileiros e 2 países da América latina, com mais de 2.500 participantes, foi reconhecido em 2015 como Tecnologia Social pelo Banco do Brasil. Seu principal objetivo é a transformação social. Nossa primeira turma vai começar dia 31 de março deste ano. Mais um sonho se realizando ;)

E como nada se aquieta definitivamente, no fim de 2015 a sensação de tranquilidade foi tomada por antigas ansiedades e entendi que escrever se tornou uma  paixão e tomou conta de mim. Ao escrever diariamente para meu BLOG, página do Facebook e Instagran fui me conhecendo, encontrei novas perspectivas e sem perceber, fui me preparando para um novo desafio. Com o incentivo de minha irmã Cecilia Paterno comecei a escrever e  ajudar quem quer fortalecer sua presença digital oferecendo de conteúdos benéficos. Aprendi ao longo de minha jornada que devemos sempre trabalhar com bons profissionais e com a ajuda da Lella Sá e sua experiência em ajudar pessoas  a encontrar um Trabalho com Significado encontrei meu propósito que é Ajudar pessoas e organizações a fortalecer sua identidade e criar relações saudáveis. Estou no momento construindo um novo site para apresentar este projeto agora em fevereiro. Assim que eu terminar compartilho com vocês!

Agora é só esperar o que está por vir em 2016, traçar novos projetos de liberdade, uma viagem, um novo curso, um livro para escrever, amigos para encontrar, abrir novas janelas e vibrar com o mundo.

Minha dica para 2016 é Mexa-se!!!

Como resgatar sonhos no meio de tanta correria?

sonho-identidade

É inevitável, em algum momento da vida começamos a nos questionar: será que nos tornamos o que sempre sonhamos ser? Ou será que nossas paixões foram sendo deixadas para trás e assumimos responsabilidades que não nos representam? O que nos tornamos?  Muitas vezes nem lembramos quais eram nossos sonhos e paixões. Nos enfiamos em um rígido papel de mãe, mulher, esposa, profissional exemplar e um aperto no coração começa a incomodar. Como se lembrar de paixões antigas e nos permitir fazer coisas que nem vemos o tempo passar?

Muitas vezes é só começar a pensar em coisas boas, que lá vem aquela voz interior: sonhar é coisa para os jovens, o tempo de viver paixões já ficou no passado. Sabotagem!! Isto que fazemos com nossa vida é empurrar o pó para debaixo do tapete. Quando o vazio se instala em nosso dia a dia, perdemos nossa energia colorida e vibrante que ilumina nossos caminhos.

sonhos-identidade

Resgate seus pensamentos coloridos!

Questionamentos, crises de identidade todas nós vivenciamos em algum momento da vida, não é mesmo? O importante é entender que quando estamos nos sentindo perdidas, é sinal que estamos passando por cima de algum valor importante ou que nos perdemos de nosso propósito.

A primeira coisa que devemos fazer é encontrar um momento de paz. Pode ser um final de semana, uma tarde, encontre um momento e dedique ele a você. Pergunte-se: o que te acalma? Caminhar em um parque tranquilo? Ouvir música e dançar? Viajar com uma amiga querida? Ficar totalmente em silêncio em casa lendo um delicioso romance? Experimente dedicar um tempo exclusivo só para você!

Preenchemos nosso com nosso dia a dia com as prioridades de todo mundo. Todos?  E as suas prioridades? O que acha de se colocar em primeiro lugar? Faça um esforço e marque um encontro consigo para falar de sonhos e paixões. Você merece! ;)

Movimente-se! De o primeiro passo reviva momentos de alegria

Olhe para seu passado e lembre-se de suas conquistas até o momento presente. Quantas coisas já foram vividas! Escolha os momentos que você se sentiu mais alegre e lembre-se de todos os detalhes. Onde você estava? O que estava fazendo? Com quem estava? Resgate este sentimento e comece a reconhecer as coisas que te encantam. Ao refletimos sobre nossa história, e reconhecermos nossas conquistas  fazemos as pazes com o nosso passado e este é um  passo importante para  construir um futuro com propósito e resgatar nossos ideais.

Quando nos conectamos com nosso eu interior, fica mais fácil ouvirmos aquela voz que estava calada e te deixava com um sentimento de solidão, mesmo rodeada de pessoas, compromissos e eventos. Perceba o que te faz bem. Viajar, conhecer lugares e pessoas diferente? Então vai viajar!!! Cozinhar e se nutrir de boas companhias? Então escolha um prato bem gostoso e convide seus amigos para um jantar especial!!! Momentos assim nos fortalecem, nos acolhem e nos ajudam a lembrar do sonhos que resgatam nossa verdadeira identidade.

Compartilhar isto com outras mulheres que também estão passando por momentos parecidos  também é muito enriquecedor. Percebemos que não estamos sozinhas e aprendemos com quem também está passando por um momento difícil.

Quer saber onde encontrar estas mulheres? Aproveite e participe do curso Florescer. As inscrições já estão abertas e será a última edição de 2015 nos dias 27 a 29 de novembro! Participe!


 

Como saber se você está realmente saudável?

Estamos sempre buscando o equilíbrio no trabalho, na vida pessoal em todos os nossos papeis e, muitas vezes, nos sentimos sem condições de administrar todas estas relações. Afinal o que é ter saúde? Como conseguimos saber se estamos realmente saudáveis? Veja aqui como equilibrar sua saúde observando atentamente como estão suas relações, seu ritmo, vida pessoal, vida profissional, mente, corpo, vida espiritual e lazer.

Muitas vezes nos colocamos em situações bem estressantes na vida, a pressão para entregar o relatório urgente no trabalho, horários rígidos em nossa rotina, uma alimentação precária e sem nutrientes, falta de tempo para encontrar as amigas e conversar tranquilamente. Nós vamos levando a rotina insana e, no meio do percurso, acabamos ficando doentes.

Quando as exigências se tornam maiores do que conseguimos aguentar, o corpo não aguenta. Cada uma de nós tem uma válvula de escape: é uma virose que pega, a coluna que dói, o estômago que fica sensível. Isso acontece com você?  

Ficar doente é uma saída que nosso organismo encontra para termos um tempo para respirar e lidar melhor com as situações estressantes que impomos em nosso ritmo diário.

Uma boa dica é aproveitar esses momentos de recolhimento para refletir e organizar a rotina, diminuir o ritmo para equilibrar melhor o corpo e a mente. Se fizer isto, você caminhará para uma vida com mais saúde. Já publiquei aqui no blog umas dicas práticas que a Andrea Negrão nos deu para aprendermos a conciliar o papel de mãe, mulher, esposa e profissional.

Ser saudável é encontrar o equilíbrio entre corpo, mente e relações

saude equilivrio curso florescer

Ter saúde é ter equilíbrio. Não só manter uma boa alimentação e praticar exercícios regulares, mas também estar em equilíbrio com nossas prioridades de vida e saber exatamente o que não abrimos mão. Ser saudável é se sentir bem com você mesma, ter relações saudáveis com sua família, amigos e colegas. Envolve os aspectos físicos, psicológicos e também as interações com o ambiente que vive, além da sua vida social.

Uma pessoa saudável é uma pessoa que conhece seu valor, se sente realizada e cuida de suas relações, de seu corpo e de sua mente. Ser equilibrado não é ser estático, é conseguir ter um organismo que reage, se adapta a diversos estímulos da vida, inclusive tendo energia e disposição para se reestabelecer caso pegue uma gripe.

Para entendermos por onde começar a melhorar a nossa saúde, podemos nos perguntar:

Como estão os meus relacionamentos? O que tenho feito para trabalhar o intelecto? E a saúde física, mental e emocional? Como anda minha vida espiritual? Sou realizada profissionalmente? Será que tenho dedicado um tempo ao lazer?

Calma, não tente resolver todas estas questões de uma única vez. Assim vai acabar perdendo a sua saúde. Observe e escolha uma única coisa para começar. O importante é dar um passo de cada vez em direção a sua saúde integral.

Se você quiser ajuda para refletir sobre estas questões, conheça o curso Florescer, teremos 3 dias para observar cada uma destas perguntas, compartilhamos com outras mulheres nossos desafios, com  tempo e calma para decidir qual será nosso primeiro passo.

Participe do curso Florescer! Nossa próxima edição será dias 27 a 29 de novembro. Esperamos você! Inscreva-se

 

E quando a dúvida aparece e precisamos tomar uma decisão?

Dúvida Processo Decisório

Quem nunca ficou paralisada pensando qual caminho seguir diante de um problema pessoal ou mesmo no trabalho? Muitas opções aparecem, o coração dispara e a sensação de que não vamos conseguir decidir nos invade a alma. Ficamos paradas bem em cima do muro. Isso já aconteceu com você?

Para você que tem acompanhado minha trajetória, sabe que o projeto Caminhada, Reflexão e Arte nasceu de um momento em que meu antigo trabalho já não me satisfazia e eu estava precisando tomar uma decisão. Precisava encontrar algo que me realizasse pessoalmente e profissionalmente. Quer conhecer melhor minha trajetória? Veja esta entrevista que dei para um projeto chamado Trabalho com Significado e conheça minha história

O projeto anda muito bem, obrigada, mas, como a única certeza que temos na vida são as transformações é extremamente importante dar o primeiro passo para que as elas fluam de maneira adequada com a nossa necessidade.

Quando estamos com dúvidas em qual caminho percorrer, nos sentimos impotentes, sem energia e estas sensações só nos atrapalham. O que fazer em uma hora dessas? Hoje vou explicar uma ferramenta excelente para nos ajudar nestes momentos em que muita coisa já não faz sentido e precisamos tomar uma decisão.

Processo Decisório: 7 passos para  tomar uma boa decisão

Conheci o processo decisório durante minha formação como líder facilitadora na ADIGO. O curso Florescer é um processo decisório completo. Durante os 3 dias de curso, percorremos cada um destes sete passos com calma e podemos nos olhar, avaliar nossa vida, olhar para nossas conquistas e depois tomar uma decisão referente ao nosso futuro.

Primeiro passo: O que te incomoda?

Quando temos uma dúvida precisamos entender qual é a nossa verdadeira pergunta. É algum desafio que queremos resolver? O que realmente está nos incomodando? O importante é transformar nosso desafio em uma pergunta.

Alguns exemplos:

  1. Qual a melhor escola para matricular meus filhos?

  2. Como conciliar meu trabalho com uma atividade física para manter a saúde?

Segundo passo: Olhe para o seu passado.

Observe os fatos relevantes que podem te ajudar a entender melhor as circunstâncias, sua história, opiniões, experiências com o assunto. Pesquise, tente observar em sua vida todos os fatos referentes ao assunto.

Alguns exemplos:

  1. O que eu valorizo em educação? Como era minha escola? Eu gostava de estudar lá?

  2. O que eu sempre gostei de fazer quando criança? Do que eu gostava de brincar? Nadar? Caminhar? Jogar?

Terceiro Passo: Olhe para o futuro

Pense em diversas possibilidades, sem julgar, sem ponderar, apenas crie ideias de futuro. Pense em novas soluções que poderão te ajudar a resolver sua questão, dê uma pesquisada, converse com outras pessoas, veja quais soluções você consegue imaginar. Escreva uma lista sem pensar muito, apenas anote tudo que surgir em sua cabeça. Pegue uma caneta e um papel agora! Escreva.

Quarto Passo: O que eu não abro mão?

Esta é uma fase muito importante aqui você precisa se conhecer, entender quais são os seus verdadeiros valores. Quando temos consciência de nossa missão e o que realmente não abrimos mão, fica muito mais fácil entender qual é o melhor caminho seguir quando bate dúvida. E aí? O que você não abre mão?

Quinto passo: Quais são os meus critérios para decidir?

Nesta fase é importante observarmos qual é a nossa realidade, quais as consequências que iremos vivenciar referente a cada uma das possibilidades. Quais as possíveis soluções diante da minha realidade?

exemplo:

  1. Se a liberdade e o respeito é um valor que eu não abro mão, quais as escolas que também ensinam estes valores?

  2. Preciso de uma atividade física em que eu possa praticar em qualquer lugar, já que em meu trabalho estou sempre viajando? Correr? Meditar?

Sexto passo: Conclusão e Decisão

Se você conseguir chegar até aqui e seguiu todos os passos, você vai precisar apenas avaliar todas as alternativas que escreveu no terceiro passo, focar no problema e decidir segundo os critérios que criou a melhor alternativa. Avalie as consequências desta decisão e já elabore um plano de ação:

O que fazer? Quando? Como? Onde?

Um plano elaborado:

  1. Vou conhecer todas as escolas na próxima semana que tem como premissa liberdade e respeito que fique situada no meu bairro e escolher o melhor custo-benefício segundo o meu orçamento familiar e matricular minha filha.

  2. Vou contratar um personal de corrida esta semana, que irá me acompanhar nos treinos e irá me passar treinos por e-mail para eu poder praticar sempre que estiver viajando à trabalho.

Sétimo Passo: Avaliação

Avaliar se a decisão que tomou faz sentido para você é um passo muito importante. Precisamos estar sempre avaliando nossas decisões. Estamos em constante movimento e precisamos sempre realinhar nosso percurso.

Se quer tomar uma decisão importante na sua vida e não consegue, pois não tem tempo para refletir sobre isto, dê um primeiro passo: inscreva-se no próximo curso Florescer

 

Programa Germinar: Workshop Liderança Facilitadora – uma semente plantada!

Pregrama Germinar Maringá, Liderança Facilitadora

Apoiamos o Programa Germinar porque ele como o projeto Caminhada Reflexão e Arte  nasceu com a intenção de despertar o autoconhecimento e o autodesenvolvimento dos indivíduos visando a transformação.  Estou participando ativamente deste programa para formar a primeira turma do Germinar de Maringá, formação que já está presente em mais de 13 estados no Brasil e também Argentina e Chile.

Esta semana foi realizado um workshop  – Liderança Facilitadora no auditório do Sesi Maringá com o objetivo de apresentar esta tecnologia social inovadora para a cidade. Hoje vou contar como foi o workshop e falar um pouquinho sobre o que é o Programa Germinar.  

Programa Germinar: transformação social

 Uma das coisas mais interessantes sobre o Programa Germinar é que ele só acontece se existe o desejo real de transformação social através da liderança facilitadora.  Cada individuo interessado, se une ao grupo do Germinar e participa ativamente na formação da turma, seja indicando pessoas que possam se beneficiar com o programa ou compartilhando a ideia com seus contatos.

Troca, acolhimento e respeito às diferenças são princípios de todos que se envolvem com o Germinar. Participar de um grupo comprometido com o respeito mútuo é um grande aprendizado. Faz-nos repensar nossas relações diárias no trabalho, na família e na cidade. Entendemos que facilitar os processos é a arte de provocar no outro as respostas certas.

 workshop realizado dia 15/09 no auditório do SESI Maringá

workshop realizado dia 15/09 no auditório do SESI Maringá

Liderança Facilitadora: uma semente em Maringá!

Foram 2 workshops realizados dia 15/09 em um clima leve e informal,  todos participaram com igualdade e cada um dos participantes falou um pouco de sua história e contou os motivos que o levaram para conhecer o programa. O workshop aconteceu a partir das perguntas e expectativas dos presentes e o resultado foi a certeza de que Maringá está aberta e preparada para receber o Germinar. Uma nova semente foi plantada!

Parceria é fundamental!

Um motivo que nos traz muito orgulho é receber o apoio de instituições que tem como missão a transformação social. Durante nosso workshop recebemos a presença da Kaisa, representando o Instituto GRPCOM que abriu o evento,  da Vanessa, representando o Grupo Nós Podemos Maringá  e, da Élcia do SESI e Sistema Fiep. Recebemos  também representantes de ONG´s da cidade e região, empresários e estudantes.

 Esta diversidade é essencial para que ideias inovadoras emerjam e transformem a primeira turma do Programa Germinar de Maringá em uma realidade. Nosso intuito é formar agentes para o desenvolvimento integrado, orgânico e sustentável de pessoas, organizações e ambientes sociais.

Uma semente é uma árvore em potencial, para que esta semente se desenvolva é preciso preparar a terra, não deixar faltar água, luz e calor. Estamos cuidando com muito carinho desta semente que foi plantada em Maringá e convidamos você para nos ajudar a cuidar dela também. Vamos?

Quer conhecer o Programa Germinar e saber qual é a data que irá acontecer a primeira turma de Maringá? Veja nossa apresentação completa aqui!

Nosso grupo está crescendo, se você tem interesse participar da primeira turma do programa Germinar Maringá. Participe de nosso Grupo no facebook !

 

 

Desenvolvimento pessoal através da Antroposofia: a importância de cada fase da vida.

Desenvolvimento Pessoal

Durante nosso desenvolvimento, vivenciamos grandes transformações que estão diretamente ligadas à nossa infância e a nossa formação, você sabia? 

Nosso projeto está baseado na antroposofia e com ela, aprendemos que o nosso desenvolvimento é composto de fases divididas em setênios, ou seja: de 7 em 7 anos.

 Hoje vou contar para vocês um pouco sobre a importância dos primeiros 7 anos e os desafios que passamos neste momento. Se você é mãe, esse texto vai te ajudar a colaborar ativamente para o desenvolvimento dos seus filhos.

Quando não temos consciência das fases de desenvolvimento humano fica muito mais difícil entender como podemos compreender certas atitudes de uma criança. Por isso, reuni algumas informações para olharmos para o primeiro setênio, entender os desafios desta fase e nos preparamos para  potencializar o seu crescimento.

 Primeiro Setênio: 0 a 7 anos

 Logo quando a criança nasce sua principal atividade é crescer e se desenvolver. A criança refina seu instrumento físico - o corpo - a cada dia que passa. Nesta fase, a criança irá desenvolver todos os seus sentidos e ela precisa de todos os cuidados para que ela se sinta bem em seu corpo e em seu ambiente familiar.

 Dar espaço para as crianças é fundamental. Para haver equilíbrio e liberdade em seu crescimento, precisamos prover espaços para que elas possam se movimentar livremente, rolar, engatinhar, trepar em árvores e inclusive correr em um campo aberto. É muito importante ela perceber o mundo como uma coisa boa.

 A criança aprende através da imitação, portanto, o que não queremos que ela faça não devemos fazer também, pois ela certamente irá imitar as falas, gestos e atitudes dos adultos que convivem com ela. Se seu filho está gritando demais, se ele não respeita os coleguinhas, observe como você se comporta diante de seus desafios.

desenvolvimento pessoal

Acolhimento, ritmo e brincar livre

Com 3 anos, a criança já superou o espaço físico com seu andar, o social com o falar e o espiritual com o pensar. O que uma criança nesta fase da vida precisa é acolhimento, ritmo e o brincar livre, para que ela possa desenvolver seus sentidos e sua percepção do mundo.

 Dos 3 aos 7 anos a criança continua seu processo de desenvolvimento físico, fortalece seu mundo interior, desenvolve o seu pensar para que por volta dos 7 anos comece um processo de troca entre seu mundo interior e o mundo exterior.

 Nosso dever como adultos é estar presente e ficarmos atentas nesta fase que passa tão rápido e é tão especial. Quando proporcionamos o ritmo adequado e espaços para que a ela possa explorar, potencializamos seu desenvolvimento e oferecemos a chance deles se desenvolverem seguros e livres.

 Na próxima semana, vou falar sobre o próximo setênio que é a fase dos 7 aos 14 anos: uma fase cheia de desafios! Aguardem!

 Se gostar do tema e quiser se aprofundar mais sobre as fases do desenvolvimento humano no curso Florescer  temos uma palestra exclusiva que fala sobre as fases do desenvolvimento humano. Aproveite e Inscreva-se !

Programe-se nossa próxima turma será: dias 27 a 29 de novembro!

Curso Florescer: os sentimentos e suas cores

Aquarela-Sentir-cores

Não sei se você já percebeu, mas os últimos posts do blog têm sido dedicados a apresentar para os nossos leitores as atividades e os conteúdos das palestras do Curso Florescer. Escolhemos esses temas porque em todas as nossas edições, algumas participantes pedem referências para que possam continuar o seu processo de autodesenvolvimento após o curso.

Hoje, vamos falar sobre a atividade eleita como a mais gostosa durante o curso: as três expressões da alma segundo a Antroposofia.

Como expressar meus sentimentos?

Durante  fim de semana em Campos do Jordão, trabalhamos o Pensar, Sentir e Querer:

  • Pensar: Exercitamos o Pensar através de palestras, reflexões individuais e em grupo; Veja aqui  o post que fizemos sobre o Pensar.

  • Sentir: Cultivamos o Sentir através de práticas artísticas.

  • Querer: Atividades corporais para estimular o movimento, ou seja, o Agir, representado pelo Querer;  Entenda sobre Consciência Corporal 

Muitas vezes não encontramos palavras ou gestos que representam o que estamos sentindo ou vivendo, não é? Você sabia que, podemos utilizar a arte para nos possibilitar uma transformação? Através da aquarela, por exemplo, podemos nos harmonizar, dar forma onde há pouca estrutura, dissolver o que está rígido, clarear o que está vago. A arte nos ajuda a fantasiar quando nossa mente já está endurecida. Ela nos ajuda a expressar nossos mais profundos sentimentos.

A simbologia das cores revelam a nossa interioridade, expressando e imprimindo conteúdos. Cada pessoa tem um arco-íris interno diferente, só seu. Segundo Johann Wolfgang Von Goethe,  em sua Teoria das Cores :

A cor não é apenas a luz, mas também a impulsividade que nasce na paixão, no olhar como forma de criar a natureza. A luz não só está dentro de cada um, como acaba se identificando com o próprio sujeito”

Abaixo podemos observar a simbologia que cada cor nos traz:

  • Vermelho: paixão, entusiasmo, encontro entre pessoas. Estimula ações agressivas;

  • Amarelo: concentração, disciplina, comunicação, ativa o intelecto. Está associado a positividade e a boa sorte;

  • Laranja: equilíbrio, generosidade, entusiasmo, alegria. Além de ser atraente e aconchegante;

  • Verde:  esperança, abundancia, cura. Estimula momentos de paz e equilíbrio. É a cor da revelação, também representa a ganância.

  • Azul:  purificação, expulsa energias negativas. Favorece a amabilidade, a paciência a serenidade. Estimula a busca da verdade interior;

  • Lilás: cor que tem mais influência em emoções e humores. Também está ligada a intuição e a espiritualidade;

  • Branco: purificador e transformador. Representa a perfeição e o amor divino. Estimula a imaginação e a humildade. Produz a sensação de limpeza e claridade, alem de frieza e esterilidade;

  • Preto: pode ser representado como uma capa de aço, onde aquilo que está dentro não sai e aquilo que está fora não entra.

  • Rosa : pode ser representado pela humildade e amizade

No curso Florescer , temos a oportunidade nos expressar através da arte, utilizando a pintura para acessar o nosso arco-íris interno. Quer entender qual é a cor de seus sentimentos? Inscreva-se! . Nosso próximo curso Florescer já está chegando!

Esperamos você! :)


Consciência Corporal: equilíbrio interior para um corpo saudável

Consciência Corporal

Como vocês sabem, nosso projeto se baseia em estudos sobre a Antroposofia. Ela nos ajuda a entender que tudo que está relacionado à forma como pensamos, sentimos e agimos é referência para nos autoavaliarmos e refletirmos sobre os padrões que estão por trás de nossos comportamentos.

Na semana passada, contamos para vocês sobre os conteúdos das palestras do Curso Florescer. Essa semana, vamos focar na relação com o corpo, ou seja, na consciência corporal, representada pelo agir, segundo a Antroposofia.

Manter a saúde em dia é um desafio que passamos cotidianamente, não é verdade? Se você é daquelas que olha no espelho e sempre acha que tem alguma coisa errada, seja bem vinda, você não é a única. Mas, que tal abrir a cabeça para encontrar o equilíbrio interior e, quem sabe assim, conquistar um corpo saudável?

Levantamos a bandeira do ame-se por inteiro, por isso, hoje trazemos algumas dicas para você não culpar tanto o espelho e passar a ser feliz com o seu templo sagrado.

Um despertar para a consciência corporal

Olhar com mais atenção para o próprio corpo e perceber o que ele está dizendo é uma ótima forma de você se conscientizar sobre os sinais que ele te dá. Sabe aquela dor nas costas que insiste em aparecer nos momentos mais inapropriados? Para que ela não atrapalhe seus compromissos no dia a dia, sem que você precise  se encher de analgésicos, sugerimos que você se conscientize sobre o que a dor simboliza. Da série #DicasParaFlorescer:

  1. Faça uma caminhada em silêncio durante 40 minutos em um parque ou um jardim e durante este momento, reflita e dialogue com seu corpo. Ouça o que ele está querendo te mostrar e pergunte para si mesma: "Onde estão meus apoios? Como está a minha estrutura corporal? O que tenho feito para manter minha saúde física, mental e emocional? Como está meu caminhar?"

  2. Durante esta caminhada, observe também como está seu respirar. Está ofegante, calmo, relaxado? E o seu ritmo ao andar, está acelerado, desorientado, rígido? Fique atenta a cada um destes sinais e tente fazer um paralelo com as suas relações pessoais e profissionais.

  3. Outra reflexão fundamental: você tem em se dedicado ao lazer?

Quando nos permitimos olhar para nós mesmas, desenvolvemos um diálogo interior e descobrimos o poder que temos sobre nossa vida. Podemos escolher com consciência quais os melhores caminhos devemos seguir, encontramos nossos apoios e estruturamos nosso caminhar. Experimente fazer esta caminhada em silêncio e depois compartilhe aqui suas percepções :) Adoramos esta troca de experiências!

Aproveito o assunto para convidá-las para participar de nossa próxima edição do Curso Florescer , que irá acontecer nos dias 18, 19 e 20 de setembro. Durante o Florescer, nossa primeira atividade do dia é a aula de consciência corporal. Aproveite e inscreva-se!


 

Os segredos do Curso Florescer

Segredos Curso Florescer

Estamos chegando perto da próxima edição do curso Florescer do projeto Caminhada, Reflexão e Arte. Em nossa 4a experiência ministrando este curso, a expectativa cresce e a certeza que teremos um encontro especial só aumenta!

Por isso, o post de hoje é feito para você que recebeu o nosso convite, sentir o gostinho do que é estar conosco durante o fim de semana todo, aprofundar um pouco mais sobre o nosso conteúdo programático e conhecer os estudos e referências que permitiram a criação do projeto. Aproveite para começar sua viagem interna e caminhar para o seu autodesenvolvimento.

Um fim de semana inteiro para você

Nossas palestras acontecem em um ambiente de muito acolhimento, onde nossas conversas em meio a natureza colaboraram com o sentimento de paz e reflexão.  

Da série #DicasparaFlorescer: os temas das palestras são estudos baseados na Antroposofia.

 

1)Palestra: Trimembração do Ser: Pensar Sentir Querer -  Como você costuma reagir aos desafios de seu dia a dia? Quer aprender mais como lidar com este Ser incrível que habita aí dentro de você?

Pensar:  você é racional? Tem excelentes ideias, coloca sempre mais energia no planejamento e na hora de concretizar, começa surgir dificuldades?

Sentir: você é puro sentimento, sonhadora e nos momentos difíceis do dia dia chora ou age de forma explosiva, expressando fortemente seu temperamento?  

Querer:  Suas atitudes são mais voltadas para a ação?  Muitas vezes age com impulsividade e não pensa antes de agir ?

Quer entender melhor como alinhar seu pensar sentir e querer? Nós já falamos sobre este tema em nosso blog. Vem ver:  Pensar Sentir Querer

 

2) Palestra: Fases do desenvolvimento Humano - Qual é o caminho que percorremos ao longo de nossas vidas? Quais são as crises que enfrentamos?

Estamos sempre buscando entender nossas crises, conhecer nossa essência e descobrir a nossa missão de vida. Isto acontece com você? Você já parou para olhar para sua trajetória, olhar as conquistas realizadas e entender o seu processo de crescimento após vencer um momento difícil?

A segunda palestra do Florescer fala sobre a fases do desenvolvimento humano, baseada nos princípios da Antroposofia (Antropo (homem) + Sofia (sabedoria) = Estudo do Ser humano) e nos ajuda a entender nosso processo evolutivo desde os primeiros anos de vida e a importância da família, amigos e sociedade ao longo de nossa formação.

 

3)Palestra: Balanço entre o céu e a Terra - Estamos sempre buscando o equilíbrio ? Será que o caminho do meio é realmente a melhor alternativa?

O movimento é o que impulsiona nossas mudanças, portanto, equilíbrio é movimento. Movimento gera energia. Ter movimento é conseguir transitar entre uma polaridade e outra sem ficarmos paradas em um extremo. A rigidez não nos leva a lugar algum. O exercício é transitar de forma fluida e livre, em busca do balanço entre a agressividade e a paz. Nosso organismo depende das duas polaridades para funcionar, portanto, não existe bom ou ruim. Existe o movimento saudável entre esses dois pólos.

Se quer se aprofundar mais sobre este tema nós também já falamos sobre ele aqui: Equilíbrio é movimento

Gostou dos temas que abordamos sobre os conteúdos da palestra? Nas próximas 2 semanas vou contar para vocês sobre outros aspectos que abordamos durante nosso encontro, como a importância da consciência corporal e também sobre a nossa caminhada em silêncio, um grande desafio para nós mulheres contemporâneas! :)  

Venha fazer parte de nossa próxima turma  do Curso Florescer que acontecerá nos dias 18 a 20 de setembro. Inscreva-se!



Vida pessoal x Vida profissional: sua rotina em equilíbrio

vida-profissionalxpessoal

Muitas vezes ouço em nossos encontros mulheres dizendo que separam muito bem a vida profissional da vida pessoal. Mas, será mesmo que isso é possível?

Hoje gostaria de conversar com vocês, leitoras, sobre alguns parâmetros que foram essenciais para que eu pudesse encontrar o meu próprio equilíbrio. Quem sabe não ajuda vocês, também?!

Para começar, gostaria de fazer uma pergunta: O que você não abre mão em sua vida? As respostas te ajudarão a avaliar quais são os seus valores e o que é realmente importante para você. No meu caso, eu não abro mão da minha família, de contato com a natureza, relações com respeito, qualidade de vida e liberdade. Quais são os seus valores? Tire um tempinho para pensar sobre isto, vai te ajudar muito!

Quando temos consciência dos nossos valores, podemos começar a refletir se nossas decisões estão em harmonia com o que acreditamos.

Encontrar a fórmula mágica de uma vida saudável que esteja em sintonia com os valores é um grande desafio, principalmente porque vivemos em um fluxo de constante mudanças e é impossível controlar os imprevistos. A dica é: ao invés de se amedrontar diante das mudanças que se apresentam em sua vida, que tal prestar atenção nos valores que emergem a partir daí e se concentrar no próximo passo para não falhar de novo?!

Próximo passo? Como assim?

No Curso Florescer, oferecemos alguns exercícios para você refletir sobre o seu momento atual e assim, identificar as oportunidades para uma vida mais plena. Você, que acompanha o nosso blog, também pode ter um gostinho de algumas práticas que podem auxiliar no seu processo de autodesenvolvimento.

Da série #DicasParaFlorescer: Faça uma avaliação de alguns aspectos de sua vida, como:

  • Relacionamentos

  • Espiritualidade

  • Lazer

  • Educação

  • Profissão

  • Saúde

Dê uma nota para cada um deles.

Em outro lugar, escreva quais são os valores que você não abre mão. Se você não tem clareza de todos eles, reflita sobre o seu dia a dia. Por exemplo: "Minha rotina está puxada e eu não estou conseguindo me dedicar à minha saúde. O que vou fazer, se uma das coisas que mais priorizo, na vida, é o bem estar físico e boa alimentação?"

Agora reflita: quais são as oportunidades que podem surgir através das suas necessidades atuais?

Vida em equilíbrio

Desde que comecei a estudar sobre a visão sistêmica, entendi que absolutamente tudo na vida está interligado.

Vida pessoal e vida profissional precisam caminhar juntas o equilíbrio entre todos os aspectos que citei acima são a chave para nossa autorrealização. Somos um único ser e todas estas áreas estão conectadas. Se deixamos de lado alguma coisa, todos os outros aspectos ficarão comprometidos - não é possível esquecer a preocupação de um filho doente durante o período que estamos trabalhando, não é verdade?

Se sua rotina está cheia e você não tem tempo para organizar suas prioridades, no curso Florescer oferecemos as ferramentas para você olhar para os aspectos de sua vida com tranquilidade e assim expandir a consciência para decidir os próximos passos.

Planejamento é tudo!

Lembre-se: o primeiro passo para uma mudança acontece com o planejamento! Se você precisa de um pouco mais de privacidade e um ambiente acolhedor para se aprofundar mais sobre os aspectos de sua vida, participe do curso florescer nos dias 18, 19 e 20 de setembro. Inscreva-se! Veja as fotos dos nossos chalés  e programe-se para estar conosco na próxima edição!

 

Bem-aventurança: como encontrar sua realização pessoal e ser reconhecida por isso?

realização pessoal - bem aventurança

"Será que estou no caminho certo?" é uma pergunta que vira e mexe fazemos para nós mesmas, não é verdade?

As escolhas que fazemos em nossa vida, mesmo que elas venham realizar vontades antigas, nem sempre são facilmente aceitas, já que, na maioria das vezes, não estamos seguras das oportunidades que irão surgir. Quer saber como encontrar a sua bem-aventurança? Hoje trazemos alguns insights que fizeram parte do nosso processo de desenvolvimento e podem ser úteis para o seu momento!  

Somos seres únicos e cada experiência se dá de uma maneira em cada uma de nós, então, por mais que não estejamos totalmente prontas, devemos dar o primeiro passo, que é: abrir a mente para reconhecer os sinais de bem-aventurança que estão em nosso caminho.

Você já se deparou com um assunto ou atividade que fez seus olhos brilhar, o coração pulsar com vitalidade, sua postura corporal mudar, fazendo com que você se sinta viva e entusiasmada? Se você já se sentiu assim, fique atenta a estes sinais e se agarre isto! Com certeza esse é um sinal de bem-aventurança.

A ideia do projeto Caminhada, Reflexão e Arte nasceu em 2009, quando comecei a entender os sinais que a vida colocava em meu caminho. Até então, não havia nome, tampouco saberia que dali nasceria o curso Florescer, porém, através do autoconhecimento, percebi que eu realmente gostaria de ajudar mulheres a se colocarem no mundo de forma integral, com seus valores alinhados com o seu caminhar. A partir dessa necessidade, dei ouvidos para o que  minha mente, coração e corpo (pensar, sentir e querer) estavam querendo me dizer e tempos depois, criei o primeiro esboço do projeto.

Entendendo que este era meu caminho de bem-aventurança, me dediquei e comecei a planejar e elaborar o Curso Florescer. Seis anos se passaram, fui me aperfeiçoando, me formei como facilitadora de grupos pela ADIGO Consultores (Apoio ao Desenvolvimento de Indivíduos Grupos e Organizações), encontrei muitas pessoas que me apoiaram e conheci a, Mirella Maceiras minha atual sócia que também compartilhava este mesmo sonho. Em 2015, lançamos o Projeto Caminhada Reflexão e Arte  e em fevereiro deste ano realizamos a primeira edição do curso Florescer

Quando reconhecemos o caminho da bem-aventurança, nos sentimos realizadas e começamos a encontrar pessoas que também estão no campo de sua bem-aventurança. Novas portas se abrem e grandes oportunidades que nem imaginávamos que existiam aparecem.

Quantos artistas se dedicaram a vida inteira para conseguir produzir sua obra prima? Ou mesmo quantos anos uma jornalista leva para conseguir uma matéria histórica? Quantos anos de dedicação uma  musicista leva para fazer parte de uma orquestra? E você? Já encontrou seu caminho? O que você faz que te deixa com a sensação de ter encontrado sua bem-aventurança? Comente no post.

Quando encontramos nosso caminho somos capazes de suportar anos de dedicação sem um retorno imediato, encontramos a garra necessária para perseverar no que realmente queremos, não importando o que aconteça. Se você sente que encontrou o que realmente ama, siga em frente!

Se você se sentiu atraída por este texto e quer conhecer melhor o curso Florescer, participe! Nossa próxima edição será dia 18 a 20 de setembro. Inscreva-se

 

Rituais: a importância deles em nosso dia a dia.

casamento

Essa semana, aqui no blog, vamos falar sobre a importância dos rituais, especialmente sobre um dos principais em nossa sociedade: o casamento.

Estamos sempre procurando um sentido para nossa vida, não é verdade? De acordo com o LivroO Poder do Mito, de Joseph Campbell e Bill Moyers, o que realmente estamos buscando é a experiência de estarmos vivos, de modo que nossas vivências - no plano puramente físico - tenham ressonância no interior de nosso ser e de nossa realidade mais íntima.

Os rituais nos ajudam a nos conectar com nossas potencialidades espirituais e a trazê-las para a vida real. Quando decidimos casar, reconhecemos a identidade espiritual do outro. Por isso, considero o casamento uma das decisões mais importantes de nossa vida. Quando encontramos a pessoa certa, uma luz cintila dentro de nós e nosso coração nos confirma que é ela.

Diferente de um caso de amoroso, a experiência de se casar mostra que dois, são um. Um, não apenas biologicamente, mas espiritualmente. O casamento é uma relação e seus sacrifícios não são feitos em nome de um ou de outro, mas em nome da unidade da relação.

O ritual de se casar, porém, está perdendo sua força. Para alguns, virou mera formalidade onde protocolos substituem a preparação para a vida em comunhão. É por isso que trago, neste post, a reflexão: se o casamento não é a prioridade em nossa vida, será que realmente estamos casados?

… respeitamos todas as opiniões, se você concorda ou discorda, comente aqui no blog :)

Esta semana, especialmente, comemoro 8 anos de matrimonio. E trago minha experiência como exemplo.

Meu marido e eu vivenciamos juntos grandes desafios e o que ressoa é a experiência de construir uma relação com muito cuidado e respeito.

Um bom símbolo para o casamento é a imagem chinesa do Yang e o Yin, a relação entre masculino e feminino, luz e treva interagindo em harmonia. E é exatamente isso que nos tornamos quando nos casamos. Deixamos de ser um indivíduo solitário e nossa identidade passa a estar na relação.

Casamento não é um simples caso de amor, é uma provação em benefício da relação por meio da qual dois se tornam um.

Estamos cada vez menos tendo tempo para refletir questões como a importância dos rituais e vivenciar plenamente a experiência de estarmos vivos, não é verdade?

Durante o Curso Florescer  participamos de alguns rituais que nos ajudam a nos conectar com o verdadeiro sentido da vida - o sentido que ressoa em você. Paramos para refletir sobre valores íntimos e nutrir nossa alma.


Se você se interessou e quer saber mais, clique aqui . A próxima edição será nos dias 18, 19 e 20 de setembro.

Férias para descansar!

Rede-descansar-relaxar

Chega o mês de julho e junto com ele, as férias das crianças. Para quem tem filhos pequenos, essa notícia pode nos deixar de cabelos em pé, não é verdade?

Muitas vezes é difícil conciliar vida pessoal, família, casa e vida profissional. A gente gosta de falar desse assunto aqui no blog porque embora nós mulheres saibamos que é importante olhar para dentro e cuidar de nós mesmas, são raras as oportunidades que aproveitamos para isso. Se você pensa que as férias escolares dos seus filhos podem te deixar maluca, é bom você se preparar!  

Férias, no dicionário, significa descansar. Mas que mãe descansa, não é mesmo? Hoje, o objetivo do post é mostrar que podemos mudar alguns comportamentos que "sem querer" colocamos em nossa rotina e optar por atitudes mais coerentes em relação ao que significa descansar.

Quando você acorda, qual é a primeira coisa que pensa? "Ai meu Deus, estou atrasada"? Que tal programar o relógio para despertar 15 minutos antes e, ao invés de sair correndo, dedicar-se à 10 minutinhos de meditação? A experiência de meditar nos proporciona a sensação de estarmos vivos e através dessa vivência nos encontramos em nosso mundo interior. Essa sensação nos ajuda muito a nos preparar para enfrentar a rotina pesada ao longo da semana e nos ajuda a vivenciar o presente. Se você nunca meditou e não sabe como começar,  hoje em dia temos várias meditações guiadas no youtube, é só escolher a que você se identifica mais. Aqui vão algumas sugestões:

  1. Medite com Monja Coen ( 7 minutos)

  2. Meditação Guiada - Alegria ( 10 minutos)

Estímulos em excesso podem nos deixar ainda mais estressadas. A força do hábito é a verdadeira culpada por você chegar do trabalho e ligar a televisão naquele telejornal que só fala de tragédia? Será que assim o seu sono será realmente tranquilo e saudável?

Por que, ao invés disso, você não tira da prateleira aquele livro que você quer ler faz tempo e não consegue? Um bom romance nos leva para uma viagem interior e nos conecta com o que temos de mais humano, nossa vida. Ler a biografia de um personagem nos ajuda a refletir sobre nossos mais profundos questionamentos.

Garanto que você conseguirá relaxar mais e melhor. Se você sentir que as dicas foram benéficas para seu dia a dia, conte para a gente.

Aproveite suas férias e descanse!

Se gostou deste conteúdo compartilhe com os amigos. E se quiser receber nossos conteúdos direto em seu e-mail cadastre-se em nossa newsletter.

 

Estratégia de divulgação do curso Florescer: empreendendo com a ajuda do mundo digital

Empreender - mundo digital

O post de hoje é um pouquinho diferente do que vocês estão acostumadas a ler por aqui. Vira e mexe alguém me pergunta o que eu faço para divulgar o curso Florescer e hoje aproveitei para trazer algumas dicas para você, que é empreendedora, possa encontrar com mais facilidade o seu público potencial.  

Empreender não é uma tarefa fácil, mas quando encontramos o que realmente pulsa por dentro, é um verdadeiro prazer trabalhar para fazer dar certo. A sensação de um trabalho realizado vem junto com a autorrealização e a conexão com nosso propósito de vida!

Usar a comunicação a nosso favor é apenas um dos passos necessários para empreender com eficiência. Sei que muitas podem não se identificar com essa parte, mas, sem praticar, você nunca vai saber! Por isso, a primeira dica é: tenha foco e dedicação!

Quando começamos a trabalhar a estratégia de marketing do curso Florescer, contamos com o auxílio de profissionais como a Mayara Castro, que ajuda pequenos empreendedores a criarem sua reputação no mundo online pelo projeto Memória Seletiva , a Cecília Paterno , blogueira fitness, a Theresa Rachel, que já participou  do curso Florescer e contou pra gente sobre seu processo de autorrealização na vida e no trabalho.

Sempre ficamos atentas em dicas de como melhorar a nossa comunicação online,  por isso, reuni aqui algumas ferramentas gratuitas e de fácil acesso que utilizamos em nosso dia a dia.

Para potencializar ainda mais o seu trabalho, você pode usá-las também! Aproveite!

  • Canva: Design gráfico extremamente simples.

Esse programa é excelente para nos ajudar a criar imagens para acompanhar os nossos textos nas redes sociais. As imagens que eles disponibilizam gratuitamente são poucas, o ideal é você já ter algumas fotos para seu trabalho ficar ainda mais personalizado!

  • Bitly: Crie, compartilhe e rastreie links reduzidos.

Uma ferramenta muito simples que reduz o tamanho do link. Depois, você pode aproveitar para ver qual foi a repercussão do link, ou seja: quantas pessoas clicaram no seu conteúdo. É uma excelente forma de saber quais são os principais interesses do seu público.

  • Mailchimp: Mande 12.000 emails para 2.000 assinantes de graça.

O Mail Chimp nos ajuda a deixar campanhas de e-mail marketing super profissionais, podemos cadastrar até 2.000 e-mails gratuitamente e integrar em nosso blog/ site ou página do facebook para quem se interessar em receber os nossos conteúdos.

  • Typeform: Criação de belas pesquisas online & construção de formulários. 

Uma excelente ferramenta se você precisa fazer uma pesquisa de satisfação com seus clientes ou se precisa receber uma ficha de inscrição. É muito prático e seus formulários ficam práticos e com um visual incrível.

Gostou?

No mundo digital existem uma série de outros recursos que você pode aproveitar para fazer um bom marketing de conteúdo e melhorar a sua comunicação online! Que tal começar por estes?

Se você tiver alguma outra sugestão de ferramenta interessante, comente aqui no post, vamos adorar conhecê-la! ;)

O curso Florescer acontece a cada dois ou três meses e ajuda mulheres a encontrarem um tempo para olhar para dentro de si e identificarem o que pulsa na vida pessoal e no trabalho. Quem sabe não é a hora de você criar seu próprio projeto? Empreender não é fácil, mas é muito recompensante colher os frutos de cada sementinha que foi plantada! #Ficaadica

Nossa próxima edição acontece nos dias 18, 19 e 20 de setembro. Ainda dá tempo de se inscrever! Vem cá: Curso Florescer


 

Qual o significado dos costumes das Festas Juninas?

festa-junina

Muitas vezes nos rendemos à correria do dia a dia e passamos pelas  mudanças das estações do ano e datas  festivas de forma passiva. Não entendemos o seu real significado e, pra ser bem sincera, muitas vezes não ligamos porque não tem algum feriado envolvido. Não é verdade?

Refletindo sobre qual seria o próximo post do blog, resolvi escrever sobre as festas juninas - celebração tão simbólica que, embora não nos dê um dia a mais de folga no trabalho, nos traz referências da vida rural, onde o trabalho era recompensado pela contemplação da natureza, pela fertilidade da terra e pelas boas colheitas.

A vida urbana nos tráz muitas coisas boas, mas, como tudo tem dois lados, uma das contradições é que a nossa relação com a natureza não é mais a mesma. Além disso, a correria do dia a dia não nos deixa usufruir plenamente do momento presente e automaticamente nos afasta de nós mesmos.

Já escrevi sobre o significado das estações do ano  anteriormente, lembram? Em março, também falamos sobre o significado do carnaval.

No mês de junho, aqui no Brasil, comemoramos  as festas juninas. O dia 24 de Junho é o dia de São João Batista. Será que realmente entendemos o significado desta festa tão popular no Brasil?

No início das comemorações, as festas juninas eram chamadas de festas joaninas, por causa de São João. Foram trazidas para o Brasil pelos portugueses, mas houve a contribuição dos espanhóis, holandeses e franceses, o que deu origem a diversos tipos de celebrações nas diferentes regiões do país.

No dia 21 de junho passamos por uma transição das estações do ano, do outono para o inverno. É nesse dia que  temos a noite mais longa do ano e o dia mais curto, solstício de Inverno. O que isto tudo significa? Podemos dizer que a festa junina é uma festa que nos prepara para a chegada do inverno, momento de aquietação da natureza, clima mais frio, noites que chegam mais cedo, momentos que nos favorecem uma atitude de recolhimento e interiorização. Uma busca dentro de nós mesmas, da luz que vive no nosso interior.

Pesquisando sobre o significado e costumes das festas juninas, encontrei no livro “O Resgate da Magia das Festas Cristãs da autora Karin Evelin de Almeida” algumas correlações das festas juninas com o nosso próprio desenvolvimento, o que me chamou bastante atenção:

Costumes Festas Juninas:

  • Fogueiras: As fogueira acesas à noite são símbolos do fogo interior que presenciamos acender, para iluminar e esquentar nossas noites de inverno. Quem não acende esta luz ficará na escuridão e morrerá de frio. Os casamentos na roça eram realizados em volta da fogueira.

  • Soltar Pipas: O costume de soltar pipas tem muito sentido. Quem não solta a própria alma para voar até as nuvens e se deleitar com o grande sopro-vento da sabedoria não vai conseguir andar sozinho. Tudo o que nós fazemos exteriormente tem uma força de fortalecimento interior.

  • Dançar: Os antigos guerreiros dançavam antes do combate para ter força. Precisamos dançar e cantar muito para nos fortalecemos animicamente e seguirmos mais confiantes. Devemos, ainda, exercitar o belo exercício de rir de nós mesmas. Quem souber rir dos seus erros pode rir dos erros alheios sem críticas.

  • Pau de sebo: Para se chegar até a morada dos santos era preciso escalar, usando as unhas e se necessário os dentes, o pau de sebo representa a própria existência humana com todas as suas experiências.

Legal, né?

No curso Florescer estamos sempre levando em consideração as épocas do ano, respeitando os ciclos naturais para favorecer nosso autodesenvolvimento. Além disso, o contato com a natureza de Campos do Jordão proporciona trabalharmos a interiorização e nos ajuda a viver o momento presente de forma plena.

Quer receber semanalmente nossos conteúdos? Inscreva-se e receba nossa newsletter 


 

Dicas práticas para conciliar o papel de mãe, mulher, esposa e profissional

mãe, mulher, esposa profissional,

Na semana passada, contei pra vocês como foi a terceira edição do curso Florescer. Um dos momentos que mais me inspiro é quando ouço histórias de mulheres guerreiras que usam sua excelência para criar soluções para as imprevisibilidades do dia a dia. Nessa edição, a Andrea Negrão nos contou sua história de vida e explicou como ela se organiza para priorizar suas atividades em seu papel de mulher, mãe, esposa e profissional através de uma metodologia muito prática.

A Andrea tem uma vida ativa, como muitas de nós. Se formou em administração na FGV, desenvolveu sua carreira na área financeira e seu grande sonho era uma carreira internacional. Quando conheceu Douglas, seu marido, viajou o mundo e tinha uma vida animada, cheia de surpresas e encontros incríveis. Se casaram e compartilhavam juntos o sonho dela de morar no exterior.

A grande surpresa veio mais tarde, no momento em que este sonho viraria realidade: Descobriu que estava grávida e logo depois recebeu a notícia de seu diretor que poderia ter sua filha no exterior, que sua expatriação tinha saído.

Um verdadeiro divisor de águas, nesse momento começou a fazer a lista de tudo que ela achava importante para se preparar para a viagem, uma lista enorme. Porém, de repente percebeu que a maternidade no exterior não fazia o menor sentido. Tomou uma das decisões mais difíceis de sua vida: recusou a proposta, resolveu ter sua filha aqui no Brasil, rodeada por sua família e amigos.

Desistir da expatriação foi uma decisão difícil, mas, seguiu o conselho de seu chefe na época de nunca postergar projetos pessoais em função de projetos profissionais. Esta dica ela segue até hoje. Esta decisão não atrapalhou sua paixão por seu trabalho e continuou seu desenvolvimento na área financeira. Dois anos depois decidiu o ter o segundo filho. Aí veio uma nova surpresa: gêmeos!

É nesse momento que muitas mulheres optam por cuidar dos filhos e abrir mão do trabalho. Mais uma vez, então, Andrea, se viu na necessidade de listar as prioridades e a principal delas,  era conseguir realizar a difícil tarefa de conciliar trabalho e maternidade. Começou a procurar alternativas, para que nas emergências do dia a dia, ela tivesse flexibilidade de se ausentar rapidamente sem prejudicar suas atividades.

Ela, após a licença maternidade dos gêmeos,  retomou seus projetos profissionais, alcançou novas posições e encontrou em seu caminho gestores que apoiaram sua busca pelo equilíbrio e sua autorrealização.

Atualmente, ela trabalha próxima a sua casa, num ambiente que a permite ser ela mesma, priorizar suas atividades e vivenciar com serenidade o equilíbrio entre vida pessoal e profissão. Agora ela tem mais tempo para se dedicar à família e está sempre buscando se conhecer melhor  para continuar seu crescimento pessoal e profissional.

Andrea afirma que para encontrarmos a autorrealização, vida pessoal e profissional precisam caminhar juntas. Sendo assim, ao listar nossas prioridades, precisamos considerar os dois aspectos.

Andrea Negrao, mãe, mulher, esposa e profissional

Aqui, apresento a vocês a metodologia que ela utiliza para organizar e planejar suas atividades. É simples e prática:

  1. Primeiro de tudo, escreva todas as suas necessidades em um papel (tudo que quer fazer ou precisa realizar)

  2. Classifique sua lista com as letras:

           A - realizar hoje

           B - realizar hoje ou amanhã

           C - realizar nesta semana

           D - realizar neste mês

           Existem outras coisas que quero realizar ? Acrescente em sua lista.

Dica 1: Necessidades pessoais e profissionais devem estar na mesma lista somos uma única pessoa.

Dica 2: Deixe no máximo 3 As em sua lista. Precisamos sempre ter espaço no dia para atender as urgências não planejadas

Dica 3 : Comece pelo que realmente é prioridade e não pelo que mais gostamos de fazer.

Atualize sua lista semanalmente e tome as rédeas de sua vida! O momento mais gratificante é quando a tarefa foi realizada e damos aquele check!

Precisa de um tempo para refletir e encontrar suas verdadeiras prioridades? Conheça o Curso Florescer .

Até mais!

 

Terceira Edição do curso Florescer: uma pausa no dia a dia para cuidar de você mesma

curso Florescer

No final de semana de 29, 30 e 31 de maio realizamos a terceira edição do curso Florescer. No post de hoje, conto para vocês tudo o que vivenciamos e vocês entendarão o motivo de  voltarmos sempre muito inspiradas!

9 graus era a temperatura que marcava na sexta-feira. Apesar do frio, a alegria em realizar mais um curso em Campos do Jordão era imensa. Só de sair da cidade e sentir o ar mais limpo já é um presente. Ao chegar, colhemos as flores para decorar os chalés e preparar a mesa para receber nossas queridas convidadas.

Apesar do frio, havia muito calor humano para esquentar nosso chá da tarde, com direito a chá de hortelã , pão de queijo e bolo de limão siciliano, chia e semente de girassol. É imensamente prazeroso ver a alegria das mulheres ao chegarem e verem a mesa prontinha, esperando por elas.

A intenção do primeiro dia do curso é nos concentramos em nós mesmas e começar a desenvolver uma conversa interior, deixando de lado as preocupações diárias. Nos apresentamos, conversamos um pouco sobre a trimembração do ser (Pensar, Sentir e Querer) e compartilhamos nossas primeiras impressões. Em seguida, veio o jantar: sopa de kabocha feita com caldo de carne especial e gengibre. hummm

sopa curso florescer

O sábado chegou aquecendo nossos corações e nos presenteou com um incrível céu azul, realçando o verde da mata e os raios de sol fluorescentes. O dia não poderia começar melhor para nós e especialmente para a Helena, que comemorou mais um ano de vida. Ela nos confessou que se deu de aniversário o curso. <3

Em seguida, a aula de consciência corporal promoveu um encontro com o nosso corpo físico, nossas dores e nos ajudou a refletir sobre nossa estrutura, olhar com atenção para nossos pés, massageá-los até encontrar nosso alinhamento. Logo depois, as palestras aconteceram em um ambiente de muito acolhimento, onde nossas conversas em meio a natureza colaboraram com o sentimento de paz e reflexão. As atividades em grupo e os assuntos abordados sempre contavam com um tema relevante como as fases de desenvolvimento humano, as transformações da natureza e, entre outros aprendizados, conseguimos perceber como é importante ouvir genuinamente.

consciencia corporal

Na segunda edição do curso, a Theresa Rachel  compartilhou conosco sua experiência de vida. Dessa vez,  tivemos a honra de ouvir a história da Andrea Negrão: mulher, mãe, esposa e profissional. Ela nos deu várias dicas de como priorizar nossas atividades no dia a dia com uma metodologia muito prática de priorização de atividades. Na semana que vem, conto pra vocês! ;)

Sábado à noite, não pudemos deixar passar a oportunidade de aproveitar o frio no melhor estilo em Campos do Jordão: comendo fondue. E depois de tanta conversa e reflexão, é claro que a gente foi se divertir! Um brinde à vida, à nossa aniversariante, à nós mulheres e ao nosso deliciosos encontro de almas femininas!

brinde curso florescer

O Domingo amanheceu com bastante chuva, mas não impediu que explorássemos nossa criatividade. A arte expressa nossos sentimentos e nos ajuda a entender nosso arco-íris interno, por isso, terminamos a manhã com uma atividade deliciosa, a aquarela. Depois, nos despedimos com o olhar atento sobre o que levamos de bom do fim de semana.

Escrever e compartilhar estes momentos com vocês é uma forma de manter viva a lembrança de tudo que vivenciamos. Já estamos com saudades mas, o sentimento que fica é de gratidão e de realização. Muito obrigada!

Para você que ainda não conhece, a próxima edição do Curso Florescer  em Campos do Jordão será em setembro. Se você já participou e quer indicar alguma amiga, a inscrição pode ser feita por aqui Inscrição ou pelo e-mail contato@caminhadareflexaoearte.com

 

Conheça dicas importantes para aumentar o poder do seu cérebro!

cérebro atenção autoconhecimento

Tem gente que passa o dia no facebook, outros no instagram, outros reservam apenas alguns minutos do dia para dar aquela fuçadinha no feed de notícias. Já alguns, não tem tempo, não gostam ou preferem um livro, luz baixa e um chá para acompanhar a leitura - eu sou dessas.

Adoro ler, mas sei que nem sempre temos tempo de devorar todos os ensinamentos que são postos à nossa frente. Por isso, uma das minhas válvulas de escape foi criar este blog para registrar os assuntos que mais me inspiram, ter sempre um lugarzinho onde posso explorar meus estudos, expressar minhas opiniões e, claro, compartilhar com vocês. Essa semana,  li um livro muito interessante sobre as 12 regras do cérebro “Aumente o poder do seu cérebro” do autor John Medina.

Hoje vou apresentar para vocês, de forma prática e resumida, 3 principais dicas para aumentarmos o poder do cérebro e também, sugestões de como aplicá-las em nosso dia a dia. Será que realmente conhecemos o funcionamento de nosso cérebro?

Se Mexa - cerebro

1 - Se mexa! Exercícios físicos aumentam o poder do cérebro

Você sabia que nosso cérebro se desenvolveu para caminharmos 20km por dia? Pois é, antigamente, os nômades precisavam fugir de predadores das savanas e não havia outro instrumento de sobrevivência se não as próprias pernas. Exageros à parte, a prática de exercícios físicos estimula o sangue a transportar a glicose que se transforma em energia e oxigênio. Quer manter seus neurônios conectados e ativos? Mova-se! Encontre em sua rotina formas de substituir o carro e o sofá por uma caminhada. Vá de bicicleta até o supermercado! Caminhe até o restaurante perto de seu trabalho. Apenas 2 sessões de exercício aeróbico por semana bastam para reduzirmos em 60% a probabilidade de ocorrência do mal de Alzheimer.

2 - Foque em uma coisa de cada vez

Pesquisas mostram que não conseguimos executar várias tarefas ao mesmo tempo. Somos biologicamente incapazes de processar diversos estímulos que necessitam de atenção simultânea. Quando precisamos escrever um e-mail importante e deixamos o celular ligado, o whatsapp ligado, várias janelas do computador abertas, música ambiente, podemos ter certeza que nosso rendimento e produtividade irão reduzir drasticamente e com isso aumentaremos a ocorrência de erros. Portanto precisamos priorizar onde realmente precisamos colocar nossa atenção. Quer escrever? Tire de perto de você qualquer coisa que possa te distrair de sua tarefa.

durma-bem-pense-bem

3 - Durma Bem, Pense Bem

Os neurônios realizam uma atividade rítmica vigorosa quando estamos dormindo e é aí que armazenamos o que aprendemos naquele dia. A vontade de tirar uma soneca depois do almoço é universal e faz muito bem para a saúde. Em uma pesquisa com pilotos da NASA,  após uma soneca de 26 minutos eles melhoraram o desempenho no trabalho em 34%. Portanto se sentir aquela vontade enorme de tirar uma sonequinha após o almoço, não se culpe. Atualmente existem vários restaurantes que oferecem estas áreas para o descanso. Se não conseguir, pelo menos tente respeitar o seu horário de sono durante a noite.

O exercício do autoconhecimento é indispensável para quem busca uma vida saudável. Quanto mais nos conhecemos, melhor nos sentimos e nossas relações se tornam mais gostosas. No projeto Caminhada, Reflexão e Arte promovemos atividades com o intuito de ajudar a exercitar o Pensar, o Sentir e o Querer, princípios da Antroposofia.

Toda semana publicamos conteúdos sobre autoconhecimento neste blog. Assine nossa newsletter !

Siga-nos no Instagram: @caminhadareflexaoearte



 

instagram Block
This is an example. To display your Instagram posts, double-click here to add an account or select an existing connected account. Learn more

Conhecer a si mesma é o primeiro passo para uma vida saudável e produtiva

balanço

Outro dia, batendo um papo em casa, paramos para refletir como seria o perfil das pessoas que acompanham o nosso blog. O Caminhada, Reflexão e Arte é um projeto feito para mulheres e tem o objetivo de encorajá-las a viver uma vida alinhada com os seus valores e suas necessidades pessoais - a gente sabe, entretanto, que com a correria do dia a dia e todas as obrigações com trabalho, família e filhos às vezes não conseguimos nos concentrar em algo tão importante: nós mesmas.

Dessa vez, questionamos sobre o que de fato nós mulheres acreditamos ser uma vida saudável, já que, muitas vezes, a rotina nos engana. Você também passa por isso? Então vai gostar de ler este post!

Encontrar a fórmula mágica da vida saudável é um grande desafio, principalmente porque ela não vem pronta. Além disso, precisamos considerar alguns aspectos que muitas vezes, esquecemos, como por exemplo, aprender a dominar a mente.

Perguntar a si mesma sobre como você encara a vida é um bom começo. Será que você vive o presente ou está apegada a alguma acontecimento do passado? Será que você está sendo rígida demais com uma situação que não precisa? Será que você expressa seus sentimentos de forma clara? Muitas vezes, a gente tenta escapar de respostas que podem nos ajudar muito a encontrar o equilíbrio. Pois é: ninguém disse que seria fácil.

A gente preparou algumas dicas para que o seu processo de autoconhecimento seja mais fluído! Sente-se em algum lugar aconchegante onde ninguém irá te incomodar por apenas alguns instantes e reflita:

Estou vivendo o presente?

O presente é algo que devemos construir diariamente e quanto mais intensamente ele for vivenciado, melhores serão as nossas lembranças. Se você anda meio esquecidinha, dê mais atenção às suas vivências diárias, conheça melhor a si mesma e conviva genuinamente com as pessoas fazem parte de seu cotidiano.

Estou me movimentando?

O movimento é o que impulsiona nossas mudanças, portanto, equilíbrio é movimento. Movimento gera energia. Ter movimento é conseguir transitar entre uma polaridade e outra sem ficarmos paradas em um extremo. A rigidez não nos leva a lugar algum. O exercício é transitar de forma fluída e livre, em busca do balanço entre a agressividade e a paz. Nosso organismo depende das duas polaridades para funcionar, portanto, não existe bom ou ruim. Existe o movimento saudável entre esses dois pólos.

Estou atenta aos meus pensamentos?

Mantenha a atenção no prumo e sempre que perceber que sua mente está divagando, traga-a de volta para o ponto focal. Além disso, a meditação é um ótimo exercício para praticar a atenção seletiva. Ao focar em nossa respiração, acalmamos e nos livramos dos sequestros emocionais provocados pelo stress e pela tensão de nosso cotidiano.

Como expresso meus sentimentos?

Quando não temos mais palavras para nos expressar, podemos utilizar a arte para nos possibilitar uma transformação, um processo que pode nos harmonizar, dar forma onde há pouca estrutura, dissolver o que está rígido, dar clareza onde tudo é vago. A arte nos ajuda a fantasiar quando nossa mente já está endurecida. Dance, pinte, escreva, cante, toque um instrumento. Experimente outras formas para expressar seus sentimentos.

Quer começar a praticar uma vida saudável e não sabe como? A dica mais valiosa pra gente é, na verdade, um convite: venha participar da próxima edição do curso Florescer. Lá, teremos a oportunidade de colocar em prática todas essas orientações!

Inscreva-se 

Te esperamos lá!

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais! 

Assine nossa Newsletter

instagram Block
This is an example. To display your Instagram posts, double-click here to add an account or select an existing connected account. Learn more

Outono momento para dedicar-nos à alma

outono

 

Como podemos vivenciar as estações do ano e nos desenvolver? No post de hoje falo sobre como aproveitar o ciclo das estações para caminhar em direção de nosso autoconhecimento. Este movimento natural, gera vida e energia. Quer saber a melhor forma de aproveitar cada uma das 4 estações para conseguir a direção e intenção correta?  

Começaremos pela Primavera: O elemento da primavera é a transformação, nos permite transformar uma coisa em outra. Na primavera temos o calor, que está associado à gestação, àquele milagroso processo em que a semente, o ovo ou o embrião são mantidos no calor lento para que germinem. Podemos trazer a primavera em nossas vidas desenvolvendo uma nova idéia, é um bom momento para darmos um passo arriscado em direção a uma nova atitude que deixe o conforto do passado para megulharmos no futuro incerto.

O ciclo anual continua com o verão, o elemento do  verão é a luz, depois da gestação uma nova vida deve emergir através da superfície, em direção ao ar livre. A luz é necessária para o crescimento. Verter a luz sobre algo, ter uma idéia nova, iluminar-se. Nossas idéias precisam se expandir, desenvolver asas voar. O verão é expansivo, é o momento de experimentarmos  novos comportamentos, novas formas, novos caminhos, novos sonhos.

Chegamos ao outono, abertura demais, diversificação demais cria confusão e caos, não podemos permanecer indefinidamente num estado de processo aberto em expansão. É preciso darmos forma às ideias e insights, para que elas perdurem. Uma nova estrutura deve ser construída. Depois do impulso do verão que nos fez expandir e voar, precisamos agora nos conectar com nossa alma, nossa estrutura para não ficarmos com a “cabeça nas nuvens”.

E então vem o inverno, um momento de permitir o novo que nasceu tornar-se algo substancial, O processo criativo deve se materializar em algo que possa ser visto, compartilhado. Deve manifestar-se sob a forma de novas práticas de forma que o novo seja alicerçado.

Assim a idéia que foi gerada na primavera, será finalmente implantada e incorporada no inverno. E nós iremos nos renovar.

Assim acompanhando os ciclos da natureza, anualmente, vamos nos recriando, nos renovando e evoluindo para além de nós mesmas. E é lógico que o novo envelhecerá outra vez. Começamos a considerar nossas estruturas e comportamentos como  processos que nos definem, sem enxergar que a estrutura sempre é produto de uma iniciativa passada, nunca futura e começamos a nos enrijecer. Uma vez que o novo se tornou prática corriqueira, ele para de ser novo e um novo ciclo deve começar. É a hora de uma nova  primavera entrar.

Estamos no outono, quer aproveitar e dar uma pausa no seu cotidiano? Conseguir avaliar quais atitudes e comportamentos deve manter e o que precisa renovar?

Aproveite o Curso Florescer que irá acontecer agora dias 29,30 e 31 de maio. Lá você terá a oportunidade de dedicar-se à sua alma. Inscreva-se